Quem não gosta de novos ares não é mesmo? Que seja um novo amor, uma nova casa, uma nova cidade ou mesmo um novo emprego. Em todos esses tipos de buscas pelas novidades sempre há transtornos no caminho. Mas alguns são evitáveis e basta as vezes apenas uma atenção maior e grandes problemas podem ser evitados. Vamos citar algumas dicas que podem contribuir, e muito, para o fim da dor de cabeça quando o assunto é a reforma da casa em época de chuva.

Pode até parecer engraçado, ou mesmo irônico. Mas uma dica bem simples é observar a meteorologia nos dias que irão anteceder a reforma da casa. Se a previsão for de chuva durantes os próximos dias ou semanas, o ideal é que se comece a reforma pelo lado interno. A retirada de um piso de um dos cômodos cobertos para a colocada de outro em nada depende do clima. Pode estar chovendo que o serviço terá um andamento no ritmo esperado, uma vez que a água da chuva não irá interferir. Para os entulhos que forem gerados é recomendável que os armazene em tambores, que podem ser alugados, ou mesmo em latões. Eles sempre devem ficar acomodados no cômodo que está sendo reformado, evitando assim a propagação de poeira pela casa.

Já quando a reforma for exterior. Caso da pintura da fachada da casa ou do prédio, ou mesmo colocação de novos revestimentos o ideal é não contratar o serviço em tempos de águas fluviais. Não há como pintar uma parede ou mesmo revesti-la em tempos chuvosos, por motivos óbvios.

Deve-se levar em conta que há dois tipos de contratos de reforma no mercado: os que são chamados de contratos de serviço empreiteiro e os contratos de serviços diários. Os contratos de serviços empreiteiros rezam o valor total da reforma e o tempo em que ela deverá ser entregue ao morador. Os contratos de serviços diários não estabelecem o valor da reforma, uma vez que é pago aos trabalhadores o dia de serviço, em compensação não há limites para que se cumpra o prazo estabelecido da obra.

O melhor a se fazer é observar as dicas acima e sempre consultar um advogado para analisar o contrato de reforma. Para que a chuva não alague também a sua paciência.

Escrito por Casa Grande

Da equipe de conteúdo da Casa Grande.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: